Pages

Eu na sua


Devora-me


"A mente quieta
A espinha ereta
E o coração tranquilo"

Gostava tanto de você

Você marcou na minha vida
Viveu, morreu
Na minha história...

Não revolte-se


Revolte-se


Desejo


Qual a fronteira entre o mau e o bom gosto?


Nas minhas andanças, perdi você.


Renascer é preciso


Sua pele, que saudade...


Não desperdice sua juventude crescendo


Geometric Porn


Friend Sheep - Quando um lobo pode tornar-se amigo de ovelhinhas


Com convicção


Sem Culpa


Sem medo


Não sei se voltei, mas estou aqui.


Circus Maximus

Mas que espécie vens tu a ser?, perguntou Leo.
Sou um palhaço, respondi eu, e coleciono instantes. Adeus. (Heinrich Böll)

Related Posts with Thumbnails

Minha Lista de Blogs

Marcadores

Arte Homoerótica (46) Céu e Terra (68) Conceitos (359) Desabafo (82) Desejo (157) Gente (202) Lado Aninal (226) Nu e Cru (1226) Para você (206) Pop (160) Pré-História (26) Tecnologia (229) Verso e Prosa (279)