Viver é estranho



"No retrato que me faço - traço a traço
- Às vezes me pinto coisas,
De que nem há mais lembrança...
Ou coisas que não existem, Mas que um dia existirão...
E, desta lida em que busco - pouco a pouco -
Minha eterna semelhança,
No final, que restará?
Um desenho de criança... Corrigido por um louco! "
Mario Quintana
 
 

Comentários

RICARDO AGUIEIRAS disse…
Gosto tanto dele, do Quintana.... a coragem pela poesia...
Beijo do
admirador que te adora!
Paula disse…
Oi Ricardo

Também gosto do Quintana e da Cecilia, sem esquecer da Cora.

Beijo =)
Runaway disse…
Que imagem maravilhosa!
Li todos os posts até aqui, dá vontade de comentar em todos, mas pra me poupar tempo pra poder ver os vídeos e postar no meu vou comentar uma vez só! =P
Tá muito bom o teu blog, são preciosos minutos os que passo aqui admirando as imagens e refletindo.
Paula disse…
Oi Runaway!

Fico feliz em saber que você gosta e que aproveita o que tento passar. E pode comentar onde quiser, sem problemas.

Beijo =)

Postagens mais visitadas